Amazon.com

sábado, 12 de novembro de 2016

Dólar como Hedge: O Seguro dos Pequenos Notáveis

Minha relação com o dólar é especial e obrigatória, pois atualmente vivo com um pé em cada país (embora este ano eu esteja sendo demandado muito mais aqui do que nos EUA). Essa minha situação especial sempre me forçou a ter reservas e investimentos em ambas as moedas e, confesso que quando comecei a acumular tanto R$ como US$ não tinha ideia que existia o tal do "Hedge".

O tempo foi me apresentando esta estratégia pois sempre que o Bovespa despencava minhas dolletas decolavam. A sensação de ter estes "poderes antagonistas" foi muito boa. E ainda o é.

Pode afundar, Bovespa!

Para fazer uma proteção dessas o primeiro passo é ser pragmático, empírico e cético, pois veja bem, a poucos dias todos recomendavam que, caso tivesse dólares, que os vendesse, pois a vitória previsível da Jail Hillary iria valorizar nossa moeda e a bolsa iria subir, muito. De Ricardo Amorim (quem eu respeito muito e acompanho sempre) a diversos outros veículos amplamente respeitados no cenário nacional e internacional, todos davam como certo o cenário. Pense em  como eu me sentia uma topeira segurando meus dólares e pensando que poderia colocar isso na bovespa e ganhar dinheiro.
Como eu não confio no meu instinto e sim em minha estratégia, fiz o que deveria fazer, nada.


Amigas populistas, quem as viu quem as vê!

Com os títulos do tesouro tem acontecido algo semelhantes, todos dizem para se desfazer de títulos atrelados a SELIC e outros investimento de renda fixa que usam o CDI como parâmetro.
Faz sentido, mas eu já diversifiquei para não ter de pensar nisso, estou pronto para a maioria dos cenários conhecidos, uma pena talvez não estar pronto também aos desconhecidos, pois como diz Nassim Taleb, o problema é o quê você não sabe que não sabe. 

Faz sentido que os títulos atrelados a Selic realmente venham a desvalorizar por agora? Sim, muito possível, aparentemente é o que vai ser. Mas como eu já sou um pouco vivido neste mercado, sei que muito possível e a ocorrência factual se desencontram muito e, o futuro, sempre mais imprevisível do que conseguimos ver de nos pequenez, por esses fatores mantenho meus investimentos inalterados, se eu perder com a Selic ótimo, tenho investimentos que vão na contramão disso e que vão balancear o custo de oportunidade.

Forte Abraço!

APR

3 comentários:

  1. Muito bom. Estou procurando parceiros para meu Blog, gostaria que vc desse uma passada no meu blog e adicionasse ao blogroll. Já adicionei o seu aos meus blogs parceiros http://estoupobre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Hedge cambial salva vida. Tem muita empresa que se financiou em dólar lá em meados de 90 e quando a coisa desandou foi ou quase foi a falência. Uma outra coisa é que no Brasil o jogo muda o tempo todo, ter essa proteção e sempre bem vinda. Forte abraço.

    ResponderExcluir
  3. tche, como tu compra dolar?
    açoes de empresa que exporta, pega no cambio e guarda em baia, ou ....

    ResponderExcluir